top of page

Juramento esquecido pelo Direito

Juro, no exercício das funções de meu grau, acreditar no Direito como a melhor forma para a convivência humana, fazendo da justiça o meio de combater a violência e de socorrer os que dela precisarem, servindo a todo ser humano, sem distinção de classe social ou poder aquisitivo, buscando a paz como resultado final. E, acima de tudo, juro defender a liberdade, pois sem ela não há Direito que sobreviva, justiça que se fortaleça e nem paz que se concretize.


Ao longo de quase duas décadas advogando, enfrentei os desafios de uma justiça lenta, parcial e muitas vezes atrapalhada. Testemunhei colegas se desviarem da ética em busca de vantagens pessoais, e cidadãos abusando do direito de ação.


Mas, apesar disso, mantenho firme meu compromisso com a verdade e a integridade.


Este juramento, agora envelhecido pelo tempo, ainda ecoa em meu coração como um lembrete constante de quem sou e do que represento. Acredito no poder transformador do Direito e na nobreza da profissão que escolhi. Que cada desafio seja uma oportunidade de reafirmar meus valores e resistir às tentações do atalho fácil.


Que possamos encontrar força uns nos outros e deixar um legado digno de orgulho para as gerações futuras.



Será que a Lei é para todos? Os fatos importam de verdade?



O que é mais relevante: o que se faz ou quem faz? 


Sugiro uma reflexão. 


Em 1792 Tiradentes foi condenado por traição contra a coroa portuguesa, por participar da Inconfidência Mineira, que lutava pela independência do Brasil. Aliás, dentre todos os conspiradores, foi o único executado, para servir de exemplo, tendo sido escolhido por ser o menos relevante do ponto de vista social. 


Em 1822, sem qualquer alteração na Lei usada para condenar Tiradentes, o Príncipe Regente de Portugal, Dom Pedro, passa a postular pela independência do Brasil e ao invés de incidir na mesma pena, foi proclamado Imperador do Brasil. 




Livros: Primeiros Passos para Entender



2 visualizações

Comments


Escritório moderno

Para qualquer solicitação, preencha os campos no formulário abaixo:

Obrigado! Mensagem enviada.

selo4-d4s.png
bottom of page